Partindo a cidade maravilhosa

|

vilma - resenha luciana 3 - Partindo a cidade maravilhosa - Get more Business Documents

1 comentários:

Jonas Barbosa disse...

Se o "sistema americano" de criar bairros separados para negros e brancos fôsse adotado no Brasil, acho que nenhum negro teria ainda visto o mar.
As cidades por onde passei naquele país tem uma realidade pior que a nossa em se tratando de urbanismo.
Na minha rua, na minha pequena cidade do interior de São Paulo, moram brancos, negros, índios, uns poucos japoneses, árabes, e sabe-se lá mais quantos outras origens.
Nos USA e Canadá, voce encontra ainda hoje: Pequena Italy, Pequena Polony, Pequena Portugal...
Todo mundo separado.
Tem estado que não se vê um preto:
Dakota do Norte é um exemplo.
Quando voce ve em Miami onde os negros moram... em que as ruas desses bairros se parecem.... francamente.... prefiro o jeito brasileiro, com todos os nossos defeitos.
Se o Rio fôsse Miami, as primeiras casas com negros estariam em algum morro escondido na Serra das Araras. Não tenham ilusão.